O Homem de Ferro existe e é limeirense!

Por: Leo Bardini

Quem nunca assistiu a algum filme do Batman ou do Homem de Ferro, e se imaginou com todo aquele equipamento e tecnologia? Pois bem, algumas pessoas não se contentam em só imaginar, e decidem ir muito além, construindo seus próprios trajes e tornando-se seu super-herói preferido em carne e osso.

Este foi o caso de Douglas Silva e Alex Sandro de Souza Prata. Após muito esforço e tempo gasto, eles conseguiram construir uma incrível armadura do Homem de Ferro, que circulou por todas as redes sociais, devido a sua beleza e ao fato de ser automatizada, imitando vários movimentos que vemos nos filmes.

13308208_1029316720437986_2863949177986748375_o“Limeira tem uma péssima reputação por não ter eventos, poucas opções de lazer, e como esse e um evento diversificado e exclusivo, é bastante gratificante ter na nossa cidade”.
Douglas Silva.

Douglas é formado em Eletricista de Manutenção pelo SENAI, Técnico em Eletroeletrônica pela ETEC Trajano Camargo e está no oitavo semestre da graduação em Engenharia de Controle de Automação. Alex desde os 5 anos desenhava e já criava seus próprios bonecos em massinha, e aos 7 anos começou a trabalhar com isopor e outros materiais, e desde então nunca mais parou. Ambos são de Limeira (SP), e uniram todo o conhecimento e habilidade que possuíam para poderem dar vida ao Homem de Ferro.

13530521_1112890332116625_1004322669_ngNa palestra apresentada por ambos no Festival Limeirense de Quadrinhos, estes irão apresentar o passo a passo da montagem da armadura e tudo o que deu de certo, e também errado, em sua construção, além de falarem de outros projetos.

“Nunca li muito quadrinhos mas sempre curti desenhos de super heróis, e quando saiu o filme homem de ferro fiquei louco com a armadura e desde então sonhava em fazer a minha”. Alex Prata.

Como começou sua paixão pelos quadrinhos? Qual o seu personagem favorito?
Douglas: Eu lia quadrinhos na infância, porém o que mais me atraia era animes em especial Dragon Ball. Agora se eu fosse escolher um personagem seria o Ciclop, e dos X-Men.
Alex: Nunca li muito quadrinhos, mas sempre curti desenhos de super-heróis, e quando saiu o filme do Homem de Ferro fiquei louco com a armadura, e desde então sonhava em fazer a minha.

Depois de um projeto como a réplica da Mark 7, o que podemos esperar dessa dupla?
Douglas: Para o nosso futuro, esperamos construir uma armadura mais maleável, com mais liberdade de movimento e acionamentos, como por exemplo um flap nas costas e portas nas coxas.
Alex: Penso em fazer novos personagens, mas me faltam tempo e dinheiro.

Qual a importância de eventos como o Festival Limeirense de Quadrinhos para a cultura geek no interior?
Douglas: A importância é imensa, cara, Limeira tem uma péssima reputação por não ter eventos, poucas opções de lazer, e como esse e um evento diversificado e exclusivo, é bastante gratificante ter na nossa cidade. Também uma ótima oportunidade de fãs de quadrinhos de mostrar a sua paixão não só para fãs de quadrinhos e sim para outro público.
Alex: Sobre o evento acho interessante ter mais coisas como essa. Afinal, Limeira não costuma dar oportunidades a população de conhecer coisas novas.

Não perca a oportunidade de conferir esta incrível armadura de perto! O Festival Limeirense de Quadrinhos acontece nos dias 2 e 3 de julho a partir das 11h, na Oficina Cultural Carlos Gomes (Palacete Levy), que fica no Largo Boa Morte, 11 no Centro de Limeira (SP).  Saiba como chegar ao evento.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s